Sobre fazer Psicoterapia
por Flávia Guimarães, em 11 jun 2020

Em algum momento de nossas vidas deveríamos nos presentear com a possibilidade de fazer terapia. Digo isso porque não precisamos ter um grande motivo ou sofrimento para buscarmos este lugar, o momento ideal pode ser aquele em que tudo à nossa volta parece estar bem, e queremos então cuidar da gente. Cuidar da nossa história, dos nossos sentimentos, das nossas fragilidades e inseguranças. Aliás, eu digo sempre que precisamos cuidar da criança que vive em nós.

Quando somos crianças imaginamos que os adultos sabem de tudo, resolvem todos os problemas e sempre sabem como fazê-lo. Mas será mesmo verdade?

A gente vai crescendo e descobrindo que os super-heróis da infância não existem de verdade e que nós, apesar de termos nos tornado adultos não temos super poderes! Que pena... seria tão mais fácil se nós como adultos não sentíssemos medos... Pois é... mas sentimos sim, e muito!

Às vezes a gente pra não sentir medo procura segurança e estabilidade tentando alcançar o emprego ideal, ter uma casa bacana, um carro novo, frequentar lugares interessantes e que - pra ser sincero - a gente nem sabe se gostaria de estar lá de verdade, mas como adultos a gente acha que tem que ser assim...

Será?

Quem somos e como pensamos tem a ver com a nossa própria história, com o que vivemos e sonhamos, com as pessoas que conhecemos, os sonhos esquecidos, as cantigas que ouvimos... Somos as histórias que ouvimos, os abraços que tivemos, as estações do ano, os lugares que ocupamos. Tudo isso e muito mais. Porque somos feitos do que lembramos e do que nos esquecemos...

Tanta complexidade dentro de um único ser!

Tudo isso forma a nossa história e cuidar dela é um ato de amor com a gente e com as outras pessoas também. Curar as feridas para seguir caminhando com menos dores e mais leveza na vida.